A Escola Nacional de Teatro está com matriculas abertas para a OFICINA CORPO-VOZ que terá duas novas turmas iniciando em setembro, as vagas são limitadas ao numero de 10 alunos por turma.

OFICINA CORPO-VOZ

Encontros para reconhecer, potencializar e associar os instrumentos de expressão

Cada indivíduo possui um instrumento corporal e vocal únicos, com suas particularidades, seus traços e potencialidades. A oficina CORPO-VOZ busca levar o participante a reconhecer esses instrumentos, expandir suas possibilidades de atuação, e associar essas duas ferramentas inseparáveis de expressão.

A oficina é aberta ao público em geral e as atividades são direcionadas tanto para profissionais que tem o corpo e a voz como recursos de trabalho e querem desenvolver as capacidades de seu ofício, quanto para pessoas de todas as áreas que tenham interesse em expandir suas próprias formas de expressão.

Os encontros acontecem como uma experiência viva e espontânea, e esse ato em grupo no aqui e agora busca ampliar as formas de se relacionar com o outro e consigo mesmo, com sua própria voz e corpo, e com os estímulos que o cercam.

CORPO – As atividades buscam desenvolver uma prática consciente através do reconhecimento e expansão do potencial corporal dos participantes. O treinamento consiste em: consciência corporal; introdução à técnica de contato-improvisação; reconhecimento da relação corpo-espaço; desenvolvimento da imagem interna e externa; percepção individual e coletiva de movimento.

VOZ FALADA – Construção de formas distintas da voz falada. Narrações, diálogos, depoimentos, descrições, poemas, são algumas delas. Além disso, a oficina propõe o estudo de conceitos como ritmo, altura, volume, fruição, e outros elementos que interferem diretamente na elaboração de diferentes formas de expressão.

VOZ CANTADA – Introdução sobre o funcionamento do aparelho vocal, aplicação de exercícios de aquecimento para manutenção da saúde da voz e prática do canto em si. O treinamento busca exercitar a voz cantada como uma forma orgânica e natural de expressão. São aplicados exercícios de circulação da voz, respiração, ressonância, colocação, articulação e conceitos como imagem interna e externa do som, oposição, apoio/sustentação, intenção, entre outros.

SOBRE A MINISTRANTE – LILIAN DE LIMA

Lilian de Lima é formada em Interpretação pela Escola de Arte Dramática (EAD-ECA-USP), em Publicidade pela ESPM (Escola Superior de Propaganda e Marketing) e em Expressão Vocal e Canto pelo Studio Voz em Movimento.

Faz parte da Cia do Tijolo, com o espetáculo musical Cantata para um Bastidor de Utopias, que ganhou em 2014 o Prêmio Shell de Melhor Música e Melhor Cenário, e o Prêmio CPT (Cooperativa Paulista De Teatro) de Melhor Projeto Sonoro

Participa também do show musical Concerto de Ispinho e Fulô, baseado no espetáculo teatral ganhador em 2009 dos prêmios Shell de Melhor Música e CPT de Melhor Projeto Sonoro.

É cofundadora do grupo Núcleo Toada, e em 2006 estreou o espetáculo Uma Toada para João e Maria, o Amor Segundo Chico Buarque, cantando, atuando e coassinando o roteiro. Em 2009, com o mesmo grupo, estreou a Segunda Toada para João e Maria, Chico Buarque Lado B.     Em 2014, o solo musical Cor de Chumbo.

Faz parte do Teatro Ventoforte, grupo que completa 40 anos de atividade com diversos espetáculos musicais, sob direção de Ilo Krugli. Entre eles Bodas de Sangue, que em 2005 foi premiado em São Paulo com dois Prêmios Shell: Melhor Música e Melhor Cenário. Em 2006 o espetáculo participou do WERELD MUZIEK THEATER FESTIVAL, com apresentações na Holanda, Bélgica e Itália.

Desde 2006 participa do premiado grupo As Meninas do Conto em diversos espetáculos infantis e infanto-juvenis com música ao vivo, entre eles Bruxas, Bruxas… e Mais Bruxas!, cujo elenco ganhou o Prêmio APCA de Melhor Atriz.

Atua e canta no espetáculo de rua O Santo Guerreiro e o Herói Desajustado da Cia. São Jorge de Variedades, ganhador do Prêmio Shell de Melhor Figurino.

Com o espetáculo musical Amor Solúvel, do Teatro da Câmara de Matosinhos, Portugal, participou de uma turnê por diversas cidades de São Paulo em 2010 e por Coimbra, Braga e Matosinhos, em Portugal, em 2011.

Trabalhou com outros diretores, como Antunes Filho, Celso Frateschi, Francisco Medeiros, Leo Lama, Cristiane Paoli Quito, José Geraldo Rocha, entre outros.

Na TV, participa da série Pedro e Bianca, da TV Cultura, e da série Brilhante F.C., que, premiada pelo edital da FICTV, esteve no ar pela TV Brasil, Nickelodeon e TV Cultura.

Atuou no programa Cultura É Currículo, da TV Cultura, sob direção de Leo Longo, e na série Aprender a Empreender, sob direção de João Camargo, exibida na Rede Globo e TV Futura/TV Sebrae. Participou do quadro Retrato Falado do programa Fantástico com direção de Luiz Villaça.

Além do trabalho de atriz, realiza também locuções e preparação vocal. Em 2005 fez Assistência de Preparação Vocal para Madalena Bernardes no programa FAMA 4 da Rede Globo. No cinema, participou do filme Jogo Subterrâneo, de Roberto Gerwitz, do média-metragem Zé Amaro e Irineu, de Márcio Araújo, e do curta-metragem Cachorro Morto, de Fernando Fraiha.

SERVIÇO: 

Turma 1 – Sábados – das 13:00 as 16:00 – Inicio em 12/09 – Término em 12/12

Turma 2 – Segundas – das 19:30 as 22:30 – Inicio em 14/09 – Término em 14/12

Local: Escola Nacional de Teatro – Unidade 2 – Rua Coronel Agenor de Camargo, 514 – Vl Assunção – S. André

Investimento:

Matricula: R$ 95,00

Mensalidade: R$ 200,000

Alunos matriculados em outros cursos da E.N.T tem condições especiais: ficam isentos de taxa de matricula e a mensalidade fica por R$ 120,00

* Crédito Foto 1 – Cantata para um Bastidor de Utopias – Adriana Vichi

* Crédito Foto 2 – Cantata para um Bastidor de Utopias – Alécio Cezar

* Crédito Foto 3 – Núcleo Toada – Alécio Cezar

* Crédito Foto 4 – Meninas do Conto – Beto Amorin

%d blogueiros gostam disto: